Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

DEU LOBO

Paysandu vence clássico e larga na frente na decisão do Parazão. Veja os gols!

De virada, o Papão sai com vantagem em busca do título de Campeão Paraense

quarta-feira, 02/09/2020, 22:33 - Atualizado em 02/09/2020, 22:33 - Autor: Diego Beckman


| Jorge Luiz / Paysandu SC

Fazendo jus ao hino, “depois vem a virada”, o Paysandu precisou da reta final do segundo tempo para vencer o Remo por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (2) ,e larga na frente na primeira partida da decisão do Parazão 2020, além de garantir o “mini-tabu” bicolor, que já dura nove jogos.

VEJA COMO FOI O JOGO

Em uma cena rara, o Mangueirão vazio não teve os gritos de "quase" da torcida logo no início de jogo: primeiro foi a Fiel Bicolor que viu Nicolas perder um gol de cara após cruzamento de Tony, pela direita.

Três minutos depois, foi a vez de Gustavo Ermel deixar a torcida azulina no quase: em erro da defesa, o jogador azulino finaliza e Gabriel Leite evita o primeiro gol do jogo.

Sem chegar perto ao gol de Vinicius, o Paysandu começou a arriscar de longe, mas não conseguiu furar a defesa azulina, enquanto que do outro lado, Perema e Micael teve problemas com o ataque azulino, ao ponto de parar com faltas.

Mas aos 39 minutos, não teve jeito: Gabriel Leite bate roupa dentro da área e a bola sobra para Eduardo Ramos, que teve o trabalho de empurrar para a rede. Leão 1 a 0.

Atrás do placar, o Paysandu tentou atacar, mas a última oportunidade de gol no primeiro tempo foi pelo alto onde Anderson Uchoa cabeceou torto pela linha de fundo.

No segundo tempo, a sorte bicolor mudou. Logo após oito minutos, Eduardo Ramos sentiu a pancada no tornozelo e precisou ser substituído, o que garantiu menos poder ofensivo ao Leão. Aos poucos, o Paysandu foi chegando ao ataque.

Até os 38 minutos, faltava o último toque na grande área, que ora ia para fora ou parava nas mãos do goleiro Vinicius, mas nem o paredão azulino foi capaz de impedir uma pintura de Uillian Barros, que, de bicicleta, deixou tudo igual no clássico.

Logo em seguida, o Paysandu virou o placar. Nicolas se enrosca com a defesa azulina e a bola sobrou para Netinho, que empurrou para a rede vazia do Leão para colocar o Papão em vantagem. 2 a 1.

O Leão ainda teve chance de empatar com Douglas Packer, mas o chute do jogador remista parou nas mãos de Gabriel Leite.

Para ser campeão paraense, o Paysandu precisa de um simples empate, enquanto que o Remo precisa vencer por dois gols de diferença para ser campeão. Em caso de vitória simples, a decisão será nos pênaltis.

Remo X Paysandu voltam a jogar no domingo (6), às 17h no Mangueirão.

VEJA OS GOLS

 


FICHA TÉCNICA

PAYSANDU: Gabriel Leite; Tony (Netinho), Perema, Micael e Bruno Collaço (Diego Matos); Anderson Uchoa, PH (Serginho) e Alan Calbergue (Luiz Felipe); Vinicius Leite, Nicolas e Mateus Anderson (Uillian)

Técnico: Hélio dos Anjos

REMO: Vinicius; Everton (Keven), Rafael Jansen, Fredson e Marlon; Lucas Siqueira, Gelson, Júlio Rusch (Djalma) e Eduardo Ramos (Douglas Packer); Gustavo Ermel (Lailson) e Tcharles

Técnico: Mazola Jr

ÁRBITRO: Bráulio da Silva Machado (FIFA-SC)

ASSISTENTES: Danilo Ricardo Manis (FIFA-SP) e Neuza Inêz Back (FIFA-SP)

CARTÕES AMARELOS: Bruno Collaço, PH e Nicolas (PSC); Júlio Rusch, Marlon e Gelson (REM)

LOCAL:  estádio Mangueirão / Belém (PA)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS